top of page
Search
  • Writer's pictureDenis Kalyshkin

Why startup founders suffer from mood swings

 

Life of founders is very intense and emotionally tiring. The main reason is that startups always work in uncharted territories. They experiment with products, business models, go-to-market, etc. Exceptional returns always imply exceptional risks one needs to take. Economists call it the risk curve. Dealing with risks though is not easy, especially when you face problems, make mistakes, and don’t get support from people around you. But as Mandalorian says: “This is the way!”


Let’s start with the idea you’re working on:


- If everyone around you says that your idea is great, then probably you are working on something everyone knows. In this case you are either late for the party, or there is some intrinsic problem on the market that your predecessors couldn’t solve.

- If you cannot find a single person who really needs or cares about your idea/product, then you have a problem. It’s highly likely that it’s time for you to pivot.

- If most of the people are skeptical about your idea, but you stumble upon potential customers who would like to buy it and they have a reason for that, then you are onto something. It means that you are in a territory with high risks and big opportunities.


Here is a couple of ideas you should keep in mind:


- First of all you should keep in mind that smart people can reasonably explain any suggestion they make. But no one knows the future, no one knows at the early stage which of the startups becomes a unicorn. This is why you shouldn’t be upset when a VC or an expert tells you that your idea wouldn’t work. You will hear “no” so many times. You just need to find someone who says “yes”. Since you are also a smart person, you will hesitate, you will experience mood swings. This means that you are dealing with ​​high risks. It should be like that. You just need to be prepared for it.


- If market experts and investors are skeptical about your idea, listen to their reasoning. Don’t get upset easily. Use this information. Think what’s missing in their or your logic. It can give you some interesting ideas. Remember that everyone is constantly making mistakes in the startup market. This is the flip side of working with high risks.


I also like the approach my friend uses when he gets upset:


- You need to see some progress in what you are doing.

- You need to have people around who inspire you.

- Always keep in mind that such situations will regularly repeat in the future. Find your way to recover as quickly as possible. Over time, you will develop your own algorithm that helps you. For example, you can listen to motivational speeches by Elon Musk and remember how many rockets he crashed. Like any skill, you will master it over time.


I’d like to finish this post with wisdom from the book “The Hard Thing About Hard Things'', which Marc Andreessen told Ben Horowitz during the Dot-com crisis. The night is darkest just before dawn. Keep calm and prosper!


 

Por qué los fundadores de startups sufren cambios de humor


La vida de los fundadores es muy intensa y emocionalmente agotadora. La razón principal es que las startups siempre trabajan en territorios desconocidos. Experimentan con productos, modelos de negocio, estrategias de mercado, etc. Los rendimientos excepcionales siempre implican riesgos excepcionales que se deben asumir. Los economistas lo llaman la curva de riesgo. Lidiar con los riesgos no es fácil, especialmente cuando enfrentas problemas, cometes errores y no recibes apoyo de las personas que te rodean. Pero como dice Mandalorian: ¡Este es el camino!


Comencemos con la idea en la que estás trabajando:


- Si todos a tu alrededor dicen que tu idea es genial, entonces probablemente estás trabajando en algo que todos conocen. En este caso, o llegaste tarde a la fiesta, o hay algún problema intrínseco en el mercado que tus predecesores no pudieron resolver.

- Si no puedes encontrar a una sola persona que realmente necesite o se preocupe por tu idea/producto, entonces tienes un problema. Es muy probable que sea el momento para que hagas un giro.

- Si la mayoría de las personas son escépticas acerca de tu idea, pero encuentras clientes potenciales que quieren comprarla y tienen una razón para hacerlo, entonces estás en algo. Esto significa que te encuentras en un territorio con altos riesgos y grandes oportunidades.


Aquí hay algunas ideas que debes tener en cuenta:


- En primer lugar, debes tener en cuenta que las personas inteligentes pueden explicar razonablemente cualquier sugerencia que hagan. Pero nadie sabe el futuro, nadie sabe en la etapa temprana cuál de las startups se convertirá en un unicornio. Por eso no debes sentirte triste cuando un VC o un experto te dice que tu idea no funcionará. Escucharás "no" tantas veces. Solo necesitas encontrar a alguien que diga "sí". Como también eres una persona inteligente, dudarás, experimentarás cambios de humor. Esto significa que estás lidiando con ​​altos riesgos. Debería ser así. Solo necesitas estar preparado para ello.


- Si los expertos del mercado y los inversores son escépticos acerca de tu idea, escucha su razonamiento. No te sientas triste fácilmente. Usa esta información. Piensa en lo que falta en su o en tu lógica. Puede darte algunas ideas interesantes. Recuerda que todos están cometiendo constantemente errores en el mercado de las startups. Esta es la otra cara de trabajar con altos riesgos.


También me gusta el enfoque que utiliza mi amigo cuando se siente triste:


- Necesitas ver algún progreso en lo que estás haciendo.

- Necesitas tener personas a tu alrededor que te inspiren.

- Siempre ten en cuenta que estas situaciones se repetirán regularmente en el futuro. Encuentra tu manera de recuperarte lo más rápido posible. Con el tiempo, desarrollarás tu propio algoritmo que te ayudará. Por ejemplo, puedes escuchar discursos motivacionales de Elon Musk y recordar cuántos cohetes se estrelló. Como cualquier habilidad, lo dominarás con el tiempo.


Quiero terminar este post con la sabiduría del libro "The Hard Thing About Hard Things", que Marc Andreessen le dijo a Ben Horowitz durante la crisis de Dot-com. La noche es más oscura justo antes del amanecer. ¡Mantén la calma y prospera!


 

Por que os fundadores de startups passam por mudanças de humor


A vida dos fundadores é muito intensa e emocionalmente cansativa. A principal razão é que as startups sempre trabalham em territórios desconhecidos. Elas experimentam com produtos, modelos de negócios, estratégias de mercado, etc. Retornos excepcionais sempre implicam riscos excepcionais que precisam ser assumidos. Economistas chamam isso de curva de risco. Lidar com riscos não é fácil, especialmente quando enfrenta problemas, comete erros e não recebe apoio das pessoas ao seu redor. Mas, como diz o Mandaloriano: "Este é o caminho!"


Vamos começar com a ideia em que você está trabalhando:


- Se todo mundo ao seu redor diz que sua ideia é ótima, provavelmente você está trabalhando em algo que todo mundo já conhece. Nesse caso, você está atrasado para a festa ou há algum problema intrínseco no mercado que seus predecessores não conseguiram resolver.

- Se você não consegue encontrar uma única pessoa que realmente precise ou se preocupe com sua ideia/produto, então você tem um problema. É altamente provável que seja hora de você pivotar.

- Se a maioria das pessoas é cética em relação à sua ideia, mas você encontra clientes em potencial que gostariam de comprá-la e têm uma razão para isso, então você está em algo. Isso significa que você está em um território com altos riscos e grandes oportunidades.


Aqui estão algumas ideias que você deve ter em mente:


- Em primeiro lugar, você deve ter em mente que pessoas inteligentes podem explicar razoavelmente qualquer sugestão que façam. Mas ninguém sabe o futuro, ninguém sabe na fase inicial qual das startups se tornará um unicórnio. Por isso, não fique chateado quando um VC ou um especialista lhe disser que sua ideia não funcionaria. Você ouvirá "não" tantas vezes. Você só precisa encontrar alguém que diga "sim". Como você também é uma pessoa inteligente, hesitará, passará por mudanças de humor. Isso significa que você está lidando com altos riscos. Deveria ser assim. Você só precisa estar preparado para isso.


- Se os especialistas de mercado e os investidores são céticos em relação à sua ideia, ouça o raciocínio deles. Não se chateie facilmente. Use essa informação. Pense no que está faltando na lógica deles ou na sua. Isso pode lhe dar algumas ideias interessantes. Lembre-se de que todo mundo está constantemente cometendo erros no mercado de startups. Esse é o lado negativo de trabalhar com altos riscos.


Também gosto da abordagem que meu amigo usa quando fica chateado:


- Você precisa ver algum progresso no que está fazendo.

- Você precisa ter pessoas ao seu redor que o inspiram.

- Lembre-se sempre de que essas situações se repetirão regularmente no futuro. Encontre sua maneira de se recuperar o mais rápido possível. Com o tempo, você desenvolverá seu próprio algoritmo que o ajudará. Por exemplo, você pode ouvir discursos motivacionais de Elon Musk e se lembrar de quantos foguetes ele colidiu. Como qualquer habilidade, você a dominará com o tempo.


Gostaria de terminar esta postagem com sabedoria do livro "The Hard Thing About Hard Things", que Marc Andreessen disse a Ben Horowitz durante a crise do Dot-com. A noite é mais escura antes do amanhecer. Mantenha a calma e prospere!





91 views0 comments

Comments


Пост: Blog2_Post
bottom of page